Senador Aécio Neves é alvo de operação da Polícia Federal

por | Destaques, Notícias, Política

A Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão na manhã desta quinta-feira (18) em endereços no Rio de Janeiro, em Belo Horizonte e em Brasília ligados ao senador Aécio Neves (PSDB-MG), presidente nacional do PSDB.

Os policiais também se deslocaram para um endereço da irmã de Aécio, Andréia Neves, em Copacabana. Outros alvos são o Senador Zezé Perrella (PMDB-MG) e o deputado Rocha Loures (PMDB-PR) e Altair Alves, conhecido por ser o braço direito do ex-deputado Eduardo Cunha.

Policiais federais também cumprem mandados no Congresso nos gabinetes de Aécio e Perrella. A ação policial ocorre no âmbito da Operação Lava Jato e foi autorizada pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

Buscas e apreensões também ocorrem na Procuradoria-Geral Eleitoral.

A informação é de que a operação estava programada e teria sido antecipada depois das revelações feitas na quarta-feira (17) pelo jornal “O Globo” de que o senador foi gravado pedindo R$ 2 milhões a Joesley Batista, dono da empresa JBS. O dinheiro acabou ficando com Perrella, segundo as investigações.

Em nota publicada ontem, Aécio disse que estava “absolutamente tranquilo quanto à correção de todos os seus atos”. “No que se refere à relação com o senhor Joesley Batista, ela era estritamente pessoal, sem qualquer envolvimento com o setor público”.

Segundo o comunicado, o senador aguardava ter acesso ao conjunto das informações para prestar todos os esclarecimentos necessários. ( do UOL)

loading...



Comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do Monólitos Post; a responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. Michel Temer não renuncia, mas muitos querem, até gente do PMDB, do PSDB, para que o Brasil realmente entre nos eixos e passe mesmo a ser governado por pessoas de bem e do povo. Temos que lutar por eleições diretas ainda neste ano, para que possamos expurgar o resto dos corruptos que ainda existem, pois não adianta pender para um ou outro partido ….

  2. Michel Temer está sendo delatado de estar envolvido em muita corrupção. Presidente forjado por deputados que não respeitam o povo brasileiro, que nunca votou para que Temer fosse presidente do Brasil. Ele foi eleito com Dilma para ser vice e nunca para ser presidente do Brasil, e pasmem, para ser presidente de um golpe parlamentar, como dizem muitos deputados e senadores, atores, juristas e muitos outros. Vejam que ele praticamente foi aliado de Eduardo Cunha, que hoje se encontra preso e condenado….

Deixe seu comentário

Os comentários do site MonólitosPOST tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.