Assista: “Prefeito de Quixadá anula concurso, mas filho do presidente da Câmara recebeu mais de meio milhão de reais de salário” denuncia Cabo Sabino

- por
  • Compartilhe:

As ações do Prefeito de Quixadá Ilário Marques (PT) continuam repercutindo no cenário nacional. Nesta quarta-feira (04) o deputado federal Cabo Sabino realizou um pronunciamento na tribuna da Câmara dos Deputados, em Brasília, com críticas contundentes a administração municipal da Terra dos Monólitos.

Acontece que o primeiro ato de Ilário Marques como gestor foi anular o concurso público realizado pela gestão anterior. Logo em seguida o alcaide mandou retirar direitos de várias categorias de servidores públicos, chegando a diminuir drasticamente seus salários. Contudo, para os aliados políticos, o prefeito tem um tratamento diferenciado, milhares de servidores foram contratados – seja de prestadores de serviços ou cargos comissionados – e em alguns casos tiveram aumentos salariais, mas o que chama atenção é o supersalário do filho do Presidente da Câmara Municipal de Quixadá, vereador Francisco Ivan Benício de Sá (PT), conhecido como Ivan Construções.

“É com o sentimento de pesar que subo a tribuna hoje para falar da minha terra (…) 754 cidadãos, homens e mulheres de bem, fizeram concurso público e foram devidamente aprovados, contudo o prefeito quando assumiu a prefeitura achou e acha que a prefeitura é dele e que não é do povo de Quixadá e simplesmente cancelou o concurso para colocar os indicados seus” disse o parlamentar ao se referir a forma com que o Alcaide tratou o concurso público.

Porém Cabo Sabino foi além e denunciou o supersalário do filho do presidente da câmara municipal. “Como se não bastasse o senhor Francisco Ivan Benício de Sá Filho em um único mês como plantonista de uma unidade de saúde ganha R$ 48.000,00 (quarenta e oito mil reais) e se segue mês a mês, quando somamos todo num espaço de um ano esse indicado do prefeito consegue receber mais de meio milhão de reais”.

O deputado ainda tratou sobre a polêmica envolvendo o aumento exorbitante do IPTU na Terra dos Monólitos. Abaixo você assiste o pronunciamento de Cabo Sabino na tribuna da Câmara dos Deputados.




Comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do Monólitos Post; a responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. EM TEMPOS ATUAIS, O MINISTÉRIO PÚBLICO NÃO PODE CONFORMAR-SE COM ESTE TIPO DE CORONELISMO TRANSFORMISTA. ESSE TIPO DE COMPORTAMENTOS FERE O PRINCÍPIO DA MORALIDADE, DA IMPESSOALIDADE….
    TALVEZ SEJA O CASO DO MP COMEÇAR A LEVANTAR O PATRIMÔNIO DESTE INDIVÍDUO.
    ***CADEIA QUE DÁ EM CABRAL DÁ EM BACURAU***
    ACORDA MINISTÉRIO PÚBLICO.

Deixe seu comentário

Os comentários do site Monólitos Post tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem.
O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.