Quixadá: Na volta ao poder, Ilário Marques continua perseguindo os trabalhadores

- por
  • Compartilhe:

Os quixadaenses lamentam a postura do prefeito de Quixadá investigado por comandar suposto esquema de corrupção, Ilário Marques( PT). É que mesmo após passar três meses afastado pela justiça, ao retomar o poder, o petista, continua perseguindo os trabalhadores da Terra dos Monólitos.

Na manhã desta terça-feira (4), os guardas municipais foram orientados a ir até o Centro da cidade para retirar das calçadas um vendedor de verduras que estava ali para garantir o sustento de seus familiares. Assim como várias outras pessoas, ele vive do comércio ambulante, prática comum em Quixadá.

A perseguição ao verdureiro virou febre nas redes sociais do município. Um vídeo foi bastante compartilhado no Facebook e na ferramenta de mensagens instantâneas Whatsapp, onde um vendedor de verduras tem sua mercadoria tomada pelos guardas municipais. “Tai ô, os fiscais aqui de Quixadá levando minha mercadoria, quando na realidade muita gente botando mercadoria fora e só a minha é apreendida. Aí querem levar a minha quando todos estão com a mercadoria fora”, diz o trabalhador.

Os verdureiros já haviam relatado em uma reportagem da TV Monólitos, quando de outra ação de desocupação das calçadas, que o Executivo municipal não atrai investimentos e empregos, entretanto é eficiente em perseguir a quem quer viver honestamente. Vale lembrar que muitos dos ambulantes estão sendo retirados dos locais onde costumam comercializar porque a Prefeitura diz que quer organizar o centro da cidade, mas organizar não é perseguir, reclamam os trabalhadores.

Assista ao vídeo em que o verdureiro é perseguido.




Comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do Monólitos Post; a responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. Para conseguir organizar o centro de Quixadá o prefeito vai ter muito trabalho.

  2. Muoto facil de resolver comecar a jogar tomate podre nele como fizetam na campanha de 2012

Deixe seu comentário

Os comentários do site Monólitos Post tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem.
O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.