Após pressão popular, prefeito de Quixadá volta atrás e areninha será a única do Estado a ter dois nomes

- por
  • Compartilhe:

A polêmica envolvendo o nome da Areninha de Quixadá, que foi inaugurada na noite da última sexta-feira (7), terminou de uma forma inusitada: O equipamento terá dois nomes.

Tudo começou quando o prefeito de Quixadá, Ilário Marques (PT), não conseguiu colocar em pauta, na Câmara Municipal, um projeto que  homenegearia um aliado político, Sidney Cavalcante, que foi vice-prefeito de Choró, dando o nome dele ao equipamento esportivo. Não satisfeito com a situação, o alcaide, em uma manobra que desvaloriza os desportistas local, se utilizando da esposa, Rachel Marques, à época deputada estadual, conseguiu aprovar projeto de lei na Assembleia Legislativa que validou o nome do político para a Areninha.

A partir daí os desportistas local começaram a criticar o alcaide, pois queriam que a Areninha tivesse o nome de alguém que houvesse tido uma relação com o desenvolvimento do esporte quixadaense e não uma homenagem a um correligionário do prefeito, fato considerado politiqueiro.

Ao inaugurar o equipamento, Ilário confirmou que o nome de Sidney foi escolhido por ser de um aliado político e quis culpar a oposição porque ele desvaloriza os desportistas local. “Aqui tentaram, inclusive, criar uma falsa polêmica, porque tem uma lei estadual denominando a Areninha com o nome do nosso companheiro, amigo, Sidney Cavalcante, que foi um militante, uma pessoa nossa aqui”, disse.

Como a ideia do prefeito pegou mal, ele voltou atrás e inovou novamente, o equipamento será o único do Estado a ter dois nomes. Ele quis amenizar o desgaste pelo erro cometido e cedeu a pressão popular. ” A Câmara Municipal foi aprovado uma lei denominando a um outro nome, que é o Manoel Bananeira. Isso um mês depois que já tinha aprovado lá na Assembleia, o Manoel Bananeira, que foi um desportista e merece toda a homenagem, é eu disse não vamos ter briga, eu vou botar duas placas, homenagear os dois”, comentou ele, esquecendo que foi o causador da polêmica.

Mais uma vez, o prefeito de Quixadá buscou culpar alguém pelos seus erros e mostrou que não volta atrás em relação ao seus desejos, passando por cima do Poder Legislativo municipal e dos quixadaenses.

Assista a fala do prefeito




Comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do Monólitos Post; a responsabilidade é do autor da mensagem.
  1. chama-se palhaçada, esse prefeito que fazer do povo de Quixadá de otários

Deixe seu comentário

Os comentários do site Monólitos Post tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem.
O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.