Morre aos 60 anos, o maior ídolo do futebol argentino, Diego Maradona

- por
  • Compartilhe:

O argentino Clarin informou nesta quarta-feira (25) que o ex-jogador e considerado por muitos, o maior ídolo do futebol argentino, Diego Armando Maradona, morreu aos 60 anos de idade após sofrer um mal súbito.

Ambulâncias ainda chegaram a ser acionadas para a casa de Maradona onde o mesmo se recuperava de uma cirurgia no cérebro há cerca de 10 dias. O ex-jogador, porém, não resistiu, tendo sua morte confirmada pela imprensa argentina e pela TV pública do país no começo da tarde.

Após mais de uma semana de internação, ele recebeu alta no dia 12 de novembro e teria ficado em casa no período.

Maradona foi o principal nome da seleção argentina na Copa do Mundo de 1986, conquistada pela seleção de seu país e considerado o melhor jogador daquela edição.




Deixe seu comentário

Os comentários do site Monólitos Post tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem.
O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.