Dom Adélio Tomasin comemora 91 anos e coleciona inúmeras benfeitorias para Quixadá

- por
  • Compartilhe:

Um dos maiores, senão o maior benfeitor de Quixadá nos últimos anos, completa 91 anos de idade nesta terça-feira. Em 27 de abril de 1930 nascia na província de Vicenza, Dom Adélio Tomasin. O religioso fez o segundo grau e o curso de Filosofia no Seminário Maior de Verona. Concluiu curso de Teologia no Seminário Arquidiocesano de Ferrara, sendo ordenado sacerdote, em 1955, quando assumiu a reitoria da Casa de Formação de Roncá, província de Verona.

Dom Adélio regressou ao Brasil em 1984, quando, assumiu a direção do Centro Social padre João Calábria em Porto Alegre. Foi eleito pelo então Papa João Paulo II para assumir a Diocese de Quixadá em 1988, e recebeu a Ordem do Episcopado de Dom Cláudio Colling, então Arcebispo de Porto Alegre, tendo tomado posse em maio daquele mesmo ano. Dom Adélio seguiu como Bispo Diocesano de Quixadá até o ano de 2007 quando aos 77 anos teve que renunciar ao Governo Pastoral de Quixadá, passando a condição de Bispo Emérito de Quixadá.

Desde que chegou a Quixadá Dom Adélio coleciona inúmeras benfeitorias, como a construção do Hospital e Maternidade Jesus Maria e José, Santuário Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, a Faculdade Católica Rainha do Sertão, a Faculdade Cisne, Remanso da Paz, e a Faculdade Dom Adélio Tomasin – FADAT.

Sem dúvidas, Quixadá é outra após a chegada de Dom Adélio, inúmeros investimentos e empreendimentos foram idealizados e trazidos por este homem enviado por Deus para mudar a vida de muitos quixadaenses.




Deixe seu comentário

Os comentários do site Monólitos Post tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem.
O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.