Prefeitura de Quixadá terá que devolver 200 mil reais

por | Ceará, Política, Regional

O município de Quixadá, no sertão central do Ceará, está sendo obrigado pelo ministério do Turismo a devolver 200 mil reais, por que, segundo o ministério, houve irregularidades em convênio com a prefeitura do município.

O prefeito na época era o Sr. Ilário Marques, o mesmo que até pouco tempo estava enquadrado na lei da Ficha Limpa.

O ministério do Turismo diz que existem suspeitas de superfaturamento em festas e eventos regionais realizados por algumas prefeituras, dentre elas a de Quixadá.

As prefeituras que estão sendo reclamadas para devolver recursos são: Assaré, Amontada, Mauriti, Icapuí, Cariré, Jaguaribe, Guaraciaba do Norte, Martinópole, Meruoca, Paramoti, Pacajus, Solonopole, Salitre e Tabuleiro do Norte.

O ex-prefeito Ilário Marques, em sua defesa, disse que o convênio ocorreu dentro da normalidade e que foi rpestado contas, porém o ministério solicitou novos documentos, e que está providenciando essa nova documentação.

Como todas as obras deixadas pelo ex-prefeito estão com problemas, por exemplo a estrada do cedro está inacabada, o hospital apenas derrubaram uma paredes e isso desde o ano de 2.004, a drenagem da rodoviária só tem um enorme buraco, então com certeza esse recurso está dentro da normalidade, ou seja com algum problema.

loading...



Deixe seu comentário

Os comentários do site MonólitosPOST tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.