URGENTE: Justiça interdita cadeia pública de Quixadá e manda transferir 172 presos

por | Destaques, Notícias, Polícia

A Cadeia Pública do município de Quixadá foi interditada pela Justiça. A decisão, proferida nesta terça-feira (05) é do juiz Welithon Alves de Mesquita, titular da 1ª Vara da Comarca do município.

O magistrado também proibiu a entrada de novos detentos, bem como a imediata transferência de 172 (cento e setenta e dois) presos, pois segundo a decisão somente ficarão no local 80 (oitenta) detentos, que é a capacidade da penitenciária, que conta atualmente com 252 (duzentos e cinquenta e dois) detentos. Os detentos deverão ser encaminhados para as unidades prisionais em Fortaleza e Região Metropolitana. Já os presos flagranteados deverão permanecer nas celas da Delegacia Regional de Quixadá, até a realização da audiência de custódia para deliberação sobre o local de transferência.

“O descaso secular do executivo transformou a Cadeia Pública de Quixadá num verdadeiro depósito de seres humanos, porquanto projetada para receber 80 (oitenta) presos, hoje encontra-se com 252 (duzentos e cinquenta e dois), ferindo diretamente a dignidade da pessoa humana, meta central da constituição federal de promoção do bem estar do homem.” disse dr. Welithon Alves de Mesquita.

Veja a decisão do Juiz da comarca de Quixadá.

 




Deixe seu comentário

Os comentários do site MonólitosPOST tem como objetivo promover o debate acerca dos assuntos tratados em cada reportagem. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.